5 dicas para a criação de sua própria estufa de maconha

Written by on 30 novembro, 2022

Plantar maconha em uma estufa está se tornando cada vez mais comum entre os cultivadores de maconha, talvez devido às grandes vantagens que este tipo de plantação pode oferecer.

Ao contrário do cultivo ao ar livre, onde as plantas são expostas a fatores externos, em uma estufa você pode ter mais controle sobre o ambiente em que suas plantas crescem, permitindo otimizar a temperatura, a circulação do ar, entre outros.

Se você não sabe como começar, aqui nós lhe daremos algumas dicas simples para você montar seu próprio cultivo de maconha.

1- Conheça as estirpes da maconha

Este fator é muito importante, não apenas para o cultivo em estufas. É essencial que ao iniciar sua plantação, você saiba com antecedência, que tipo de variedade de maconha você vai cultivar, lembre-se que cada variedade de maconha pode ter necessidades diferentes.

Escolha uma estirpe de maconha com as características que você está procurando e que provaram crescer bem em uma estufa. A estirpes Frisian Dew da Dutch Passion, por exemplo, é perfeita para este tipo de cultivo.

2- Certifique-se de saber quanto espaço você terá 

É ideal ao montar sua estufa cultivar para saber quanto espaço você terá disponível e como você vai dividir o espaço para proporcionar o melhor ambiente possível para suas meninas.

Sabendo a quantidade de espaço que você tem, você será capaz de definir o tipo de estufa que você precisa. Recomenda-se que a estufa tenha uma altura de 3 a 4 m (10 a 15 pés).

3- Escolha o tamanho de erva mais adequado 

Se você vai cultivar maconha em vasos, é essencial que você escolha os vasos mais adequados para seu tipo de estufa.

Para estirpes de tamanho médio, algumas pessoas recomendam cultivar entre 2 e 4 plantas por m² em vasos de 12-15l. Desta forma, as plantas terão espaço suficiente para cultivar.

4- Use filtros de carbono e garanta uma boa ventilação

As estufas muitas vezes se tornam úmidas, o que é favorável para o aparecimento de fungos. Para evitar que os fungos invadam seu crescimento, é essencial assegurar uma boa ventilação em sua estufa, seja abrindo as laterais ou instalando um ventilador.

Além disso, se você cultivar várias plantas de maconha, algumas pessoas recomendam colocar um filtro de carbono no sistema de ventilação para esconder o cheiro das plantas.

5- Treine suas plantas

No mundo do cultivo de cannabis há uma variedade de técnicas de treinamento de baixo e alto estresse que você pode implementar para controlar o crescimento de suas estirpes. Com estes métodos você pode garantir que suas plantas aproveitem ao máximo a luz e o espaço disponíveis.


Current track

Title

Artist